Street Style #3 - Lollapalooza 2015

Oi com voz de traveco hahah :P  Depois de dois dias de Lollapalooza nada mais normal do que estar sem voz, não conseguir ficar de pé sem sentir dor no corpo e já estar com saudade deste final de semana incrível! Este foi o primeiro Lolla que consegui circular e aproveitar váários shows com essa andança toda consegui fotografar alguns looks que circularam por Interlagos <3 



Sempre tive um desejo enorme de fotografar um festival onde há uma imensa gama de pessoas, fazendo conexão com os palcos, lincando com os gostos das bandas e o estilo como forma de se expressar. Provando assim que, a moda e a música andam juntas.









Estilo boho ganhou de lavada na inspiração para os looks.
Muitas franjas, acessórios, chapéus, botas , kimonos e óculos redondos. Mas isso já era de se esperar né? Agora, as galochas sempre ganham meu respeito <3











Fotos: Baárbara Martinez


Coloquei todas as fotos que tirei no festival no Flickr <3 
Incluindo essa aqui ô: 

Com amor, 



Resenha: The Tiny Book of Tiny Stories por Joseph Gordon-Levitt

Em 20 de junho de 2004 nosso querido e eterno Tom (500 dias com ela) Joseph Gordon-Levitt fundou a HitRecord, uma produtora colaborativa que tem foco em tudo, isso mesmo, tudo relacionado a arte e entretenimento.
Ilustrações, música, cinema, fotografia e qualquer outra forma de expressão artística imaginável.


Dessa ideia surgiram (além de muitas outras coisas) três livrinhos que estão encantando a muita gente pelo mundo a fora. A coleção chamada  The Tiny Book of Tiny Stories é uma das coisas mais bonitas desse mundo.



Com muitas ilustrações e historinhas que passam de fofas a melancólicas, os livros trazem uma leitura leve, rápida e linda visualmente. É o tipo de livro que faz a gente se identificar em muitos pontos, acredito que seja por conta das pequenas histórias falarem tanto sobre sentimentos, coisas que nós sentimos no dia a dia ou quando estamos sozinhos.





Os livros estão disponíveis em sites internacionais com frete gratuito pro Brasil, no meu caso, consegui encontrar todos na Livraria Cultura. Os preços são um pouco diferentes, mas no fim das contas o gasto é quase o mesmo comprando por aqui.

O que vocês andam lendo?

Beijos,

Vivian

Para todas! Cores da MAC em marcas nacionais

Não faço milagre mas digamos que neste post alcancei algum tipo de dadiva.
Sabemos quanto suor do nosso trabalho é envolvido na hora de comprar um batonzinho da Mac.
Obvio que em questão de qualidade e fixação não temos o que reclamar, mas bem que podia ser mais baratinho para podermos ter todas as cores que queremos né? Isso que não são poucas!
Muitas cores envolvidas, logo muitas ''dilmas'' em jogo.

Pinterest
Pensando no povo fashion proletariado que não desce do salto nunca, reuni uma lista com 61 batons da Mac e seus similares, o que chamamos de dupe. Todos nacionais ou seja bem mais fácil de encontrar e baratenhos :)





1) Angel: NYX Sky Pink;                                                                                       
2) Approaching Storm: Vult 58
3) Bare Studio: NYX Harmonica                                                                                                  
4) Bombshell: Avon Extra Lasting Pink Rosado                                                                          
5) Brave: NYX Thalia; NYX Whipped Caviar; Koloss Encanto Matte 02;
O Boticário - Nude Star (linha Make B).


6) Candy Yum-Yum: Bless Cosmetics - cor 152;  Contém 1g - cor Pink Matte; Felicittá Looks - cor Virtude; Yes! Cosmetics - cor Lollipop linha Sabrina Sato;                                                        
7) Chatterbox: Dailus - Big Party 14; NYX Fig; Vult 34;Vult 35                                                                                
8) Craving: Vult 40                                                                                                                    
9) Creme Cup: Dailus Star 04; Tracta - Sabrina, Pausa para Feminices
10) Creme d’Nude: Dailus Cup Sweet 02                                                                                      


11) Crosswires: NYX Berry                                                                                                     
12) Diva: NYX Snow White, Koloss Ameixa Matte; Vult Matte 10; Natura Aquarela 01; Avon Ultra Color Rich Vinho Matte                                                                    
13) Dressmaker: Vult 14                                                                                                              
14) Fanfare: Dailus - cor Cup Cake, linha matte.                                                                        
15) Faux: NYX Whipped Caviar


16) Film Noir:  NYX Violet; Natura Aquarela 04
17) Flat Out Fabulous: Tracta - Capri
18) Gaga I: NYX Stawberry Milk; Avon Ultra Color Rich Rosa; Koloss - cor Rosa Chiclete; Kreati - cor Nude Rose; L'Acqua di Fiori - cor Rosa Beach; O Boticário - cor 231/ linha Intense Matte Laços; Panvel - cor Inspiração
19) Gaga II: NYX Circle; O Boticário - cor 25/ linha Intense
20) Girl About Town: Dailus My Dreams 16; NYX Chloe; Vult 38; Boticário Intense 253; Max Love 150; Avon Ultra Color Viva Pink 107


Pinterest


21) Heroine: Mais Vaidosa - cor 62; Beauty and Brains - Tracta
22) Honey Flower: NYX Circle
23) Honeylove: NYX Tea Rose
24) Hot Gossip: NYX Tea Rose
25) Hue: Audrey Casatti, cor Boca Nude


26) Hug Me: Dailus Lips Hot 10; NYX Iris
27) I Like It Like That:  Vult 29
28) Icon: NYX Golden Luster
29) Impassioned: NYX Fire; NYX Spellbound; Duda Molinos Retrô
30) Jazzed: Vult 27


31) Kinda Sexy: Natura Aquarela 04; Vult 68
32) Lady Danger:  NYX Eros; Vult 53; Dailus - cor Tomato 84; Elke - cor Carmin 221; O Boticário - cor Vermelho Vivo (linha Make B);
33) Lickable: Contém 1g - cor Groselha Intenso Cremoso
34) Love Forever: Anaconda - cor Champanhe; Vult - cor 01(linha matte)
35) Lustering:  NYX Fig


36) Mocha: NYX Herades; NYX Urano 
37) Morange: Natura Coral 06; Duda Molinos Tangerine; Vult Lápis Laranja Neon; Yes! Cosmetics - cor Coral 7
38) Myth: Dailus Nude 96; Vult 44; Vult 67; Vult Corretivo - cor 02
39) Overtime: Dailus Salmon 04
40) Peachstock: NYX Orange Soda


Pinterest


41) Pink Nouveau: Dailus Cute Baby 22; NYX Paris; NYX Summer Breeze; Vult Matte 01; Max Love 91; Contém 1g - cor Seychelles Intenso Cremoso; Dailus - cor Grape; 
42) Pink Pidgeon: Ragazza - cor 25
43) Pink Plaid: Dailus CupCake 06; NYX Tea Rose; Vult 27; Max Love 160; Avon - cor Rosa Queimado; Tracta - cor Ariel (linha Pausa para Feminices)
44) Playing Koy: Eudora - cor Tulip
45) Please Me: Yes! Cosmetics - cor Cup Cake (linha Sabrina Sato)


46) Ramblas Red: NYX Chaos
47) Ravishing: NYX Orange Soda
48) Rebel: Vult 42; Vult 19; Avon Ultra Color Rich 16 Passion; Dailus Sutil Matte 56; Contém 1g - cor Euforia
49) Ruby Woo: Dailus - Apple 18; NYX Perfect Red; Boticário Intense 330; Vult 51; Koloss - 13 Vermelho Matte; 
50) Russian Red: Dailus Apple 18; NYX Electra; Avon Ultra Color Rich Vermelho; Essencial Vermelho Rússia 8333; Koloss - cor 13; Natura - cor 50 (linha Una Matte); Vult - cor 01


51) Saint Germain: Dailus - My Love 20; NYX Narcissus; Essencial - cor Fricote; Elke - cor Encantada
52) See Sheer: Vult - cor 14
53) Snob: NYX Power; NYX Pale Pink; Vult 26; Vult 33; Koloss Merengue 159; Contém 1g - cor Maldivas Intenso Cremoso; Dailus - cor 01; Elke - cor Rose 200;Natura - cor Rosa Ritmo (linha Faces); O Boticário -cor 230 (linha Intense Matte Laços); Vult - cor 29;
54) So Chaud: Dailus - Cherry 24
55) Touch: Dailus - Lips Sexy 08


56) Toxic Tale: Avon - cor Irresistible (linha Colordisiac)
57) Up The Amp: Dailus - Up Kisses 96; Vult 62; Contém 1g - Açaí; Felicittá Looks - cor Sonho; Fina Flor - cor Volare; O Boticário - cor Lilás Majestic (linha Make B); Vult, cor 31
58) Vegas Volt: Dailus - Eletric 98; NYX Femme; Duda Molinos - cor Modern; Panvel - cor Angel; Pimenta Doce - cor 05; Tracta - cor Degas
59) Velvet Teddy: NYX Pumpkin Pie; Boticário Intense 131; Contém 1g - cor Nude (linha My Lips); Vult - cor 05 (linha Matte)
60) Violetta: Audrey Casatti - cor Uva Neon; Tracta - cor Gold Exotic (linha Les Poetiques)

E agora um mais do que especial!
Na semana passada a musa da Julia Petit lançou sua coleção com a Mac e já achei um baratenho primo do Açaí :)
61) Açaí: Vult - cor 42

Lembro que meu sonho de consumo da Mac era o Pink Nouveau, na época a Demi Lovato não tirava essa cor dos lábios e logicamente eu também quis ter esse gostinho.

Qual batom da Mac que vocês mais gostam?


Com amor,


Du Jour: We're on each other's team

Fazia um bom tempo que não fotografava nadinha de nada, nem que fosse photoshoot ou apenas fotos soltas. Estava com saudade já, eis que nestes dias acabei saindo de cropped (whattt??). 
É, nunca consegui usar a peça sem me sentir desconfortável mas esse modelo da Forever 21 ganhou meu coração. Ele ficou bem legal com saia longa.
Como o modelo da saia é alto não fiquei com uma baita barriga de fora :P






Cropped: Forever 21 
Saia e pulseiras: Boutique Madre Mya



#DicasBarbaras: O look pode ser usado em uma festa com um saltão ou no dia a dia com uma rasteirinha. Mudando o calçado e os acessórios a roupa se transforma conforme a ocasião.

A esperta aqui estava com uma alpargata estampada mas esqueceu de fotografar :P

Beijos,


Ser Solteira


Recentemente, saí com uma turma de amigos recém solteiros. O pior tipo, diga-se de passagem, porque de solteirice eu entendo bem. Estou há um ano lutando contra o preconceito do status e dos olhares de pena. Os recém solteiros não passam por isso. De jeito nenhum. Eles podem tudo. Eles podem trocar noites por dias, musas por criaturas, beijos por telefones, não têm hora para voltar e fazem amigos em qualquer esquina.

Quanto a mim, sou bombardeada diariamente pela curiosidade alheia de por que cargas d’água ainda não expus um macho para chamar de meu. Sinceramente, sinto inveja desse aval da sociedade que diz “Vai lá, campeão! Você merece essa folga!”. Só tenho direito as frases de provérbio chinês de biscoitos da sorte e ao horóscopo impresso em jornal velho. Mulher solteira por um ano ou mais não é escolha, é problema.

Mas o problema mesmo foi quando me peguei acreditando nisso. Me cobrei por noites em claro a resposta de não ter a facilidade de um namoro engatilhado. Me questionei por horas a fio o que havia de errado comigo. Então, me forcei a me envolver, a gostar. Me forcei a enxergar os pontos positivos e jamais listar os defeitos. Às vezes, me senti um tanto Amélia e um tanto adolescente. Eu sentia que precisava ter alguém e, não, que queria ter alguém, e mesmo assim, insisti fervorosamente. Fui catequizada pela premissa de que eu havia ficado pra titia.

A verdade é que chega uma hora que cansa. Essa vida adulta que por vezes me parece precipitada, também sufoca. E assusta. Honestamente, acho que nutri o desejo de estar com alguém mais pelo medo de ficar sozinha do que pela vontade de uma vida a dois. Porque, sinceramente, ficar solteira é ousadia, mas SER solteira é um ato de coragem. É quando você não se sente incompetente por terminar o ano sem o beijo da virada, nem se sente excluída por não participar de reuniões em que estejam só casais.
É também não se sentir constrangida em dizer há quanto tempo está nessa fase e assumir o controle da reviravolta por saber que isso acaba quando você quiser. Na realidade, ser solteira é ser livre, ser leve, no verdadeiro sentido da palavra.

Relacionamento sério mesmo, eu não quero com ninguém, nem mesmo com o homem da minha vida. Aliás, principalmente não com o homem da minha vida. Eu quero que essa leveza se perpetue, essa paz de espírito proveniente da segurança de saber quem eu sou, mesmo estando sozinha, se fortaleça.

Quero um relacionamento patético em que se torne impossível terminar uma discussão sem transforma-la em piada. Quero um relacionamento estranho em que a gente crie um código para falar em público. Quero um relacionamento infantil em que vamos trocar a cozinha gourmet por um cento de salgadinhos com coca. Eu quero um relacionamento que seja tempestade em dias calmos, e que me faça sentir algo, o que quer que seja. Quero um relacionamento financeiro munido da estabilidade de planos e, não, de dinheiro. Deixo a seriedade pras horas em que é vital; ao meu lado só quero aqueles que vão rir quando eu tropeçar ou inventar apelidos pro meu terrível corte de cabelo.
Que seja tudo isso, mas que, por favor, não seja sério.

E, honestamente, prefiro esperar pelo tempo que for por alguém que me faça feliz dessa forma do que me sujeitar a essa mania visceral de alimentar o perfil de mulher “namorável”.
Não me culpo mais por gostar de algumas noites na balada, nem mesmo pelo o que eu bebo ou o que eu visto. Gosto de não ter que dar satisfações sobre a minha vida, de aceitar convites inesperados, de tornar estranhos conhecidos após um jantar. Me livrei do peso na consciência por ver o sol nascer enquanto outros caminham. Eu gosto de ser dona dos meus dias; de fazer da segunda um sábado, da quarta uma sexta. Gosto de não me preocupar com meu celular descarregado dentro da bolsa porque tudo que eu preciso é o que tenho a minha frente.
E de dançar até o chão tanto quanto assistir um filme de comédia romântica embaixo do edredom.

Ciúmes só tenho daqueles que descobriram isso há mais tempo do que eu, e desconfiança só por quem acredita que o caminho que têm como o melhor pra si, também sirva para os outros.
Quanto a paixão, nunca a senti tão forte em toda minha vida. Aprendi a cuidar de cada uma das pessoas que entraram despretensiosamente, de cada lembrança cultivada entre porres e ressacas. Aprendi a colecionar amigos e, não, mágoas de relacionamentos anteriores. 
Desejo, inclusive, que todos aprendam isso mesmo após o mais sofrido término.

Sabe, são pessoas e pessoas. Pode ser que isso nunca seja o ideal pra você. Pode ser que você tenha se condicionado a necessidade de ter alguém sempre para se sentir bem consigo mesmo. E se isso te faz feliz, te digo com todas as letras: vá em frente! A questão é justamente essa: seja feliz, não seja um status nas redes sociais, nem um sorriso amarelo em foto. No fundo, você sabe que não precisa disso, assim como eu sei. Mas a gente faz uma escolha, entende? No final, é só você e seu medo contra o mundo. Mas se você não souber quem é, não vai importar quem esteja ao seu lado.

Por Samantha Silvany