Entre linhas e cores

O designer gráfico francês Sébastien Preschoux é um entusiasta da arte têxtil e, ele usa linhas pra criar formas que mais parecem esculturas vazadas.




Ele conta que se sente como uma pequena aranha formando uma teia enquanto trabalha, mas há quem compare o trabalho dele com reflexos de luz.




Sébastien já expos em galerias, mas não há beleza que se compare à junção da naturezacom arte. O cenário se transforma em parte da obra e até os raios de sol fazem participam, iluminando as linhas.




Para quem quiser conhecer mais do trabalho dele é só clicar aqui



_________________________________________________________________


Com amor, Baárbara Paz Martinez






Comente com o Facebook:

Postar um comentário